Marcos do bebê - Mês 10

  • Evolução do seu bebê de 10 meses

  • O progresso do seu bebê de 10 meses

  • A saúde do seu filho(a) de 10 meses

  • Brinquedos confiáveis para uma direção mais segura

  • Apresente ao bebê o copo

  • Fale bem do bebê para o bebê

  • Fale "não" quando o bebê morder

  • O bebê anda distraído?

  • Você pode ter algum animal de estimação?

  • Leia livros para o bebê

Atualmente com tanto terreno a percorrer, seu bebê pode estar mais interessado em explorar do que em comer (ou qualquer outra coisa!)


Se seu bebê aparenta estar em uma missão de buscar e destruir, você não está tendo alucinações. A maioria dos bebês com essa idade está preocupada em se meter em coisas que não deveriam e em jogar fora coisas que não deveriam.


Engatinhar, levantar, passear e até mesmo caminhar podem estar na agenda do seu filho este mês. E não se assuste se a ansiedade da separação também começar com força total em seu filho de 10 meses.


Aqui está o que mais você pode esperar no mês 10.



Evolução do seu bebê de 10 meses


Num relance


Conceitos básicos do sono


Com essa idade, os bebês habitualmente dormem cerca de 11 horas à noite (muitos durante a noite) e tiram dois cochilos diários que somam de três a quatro horas. Descubra como é o desenvolvimento do bebê do mês 1 ao mês 12 clicando aqui


Conceitos básicos da alimentação


O bebê deve se alimentar de ¼ a ½ xícara de grãos, frutas e vegetais, ¼ a ½ xícara de alimentos lácteos e ¼ a ½ xícara de alimentos ricos em proteínas por dia. Você ainda pode oferecer de 709 a 887 ML por dia de leite materno ou fórmula também.

Informações Interessantes


Algumas adversidades de comportamento muito estranhas podem surgir agora, incluindo bater cabeça, balançar, rolar, ranger os dentes e puxar os cabelos. Freqüentemente, são estimulados por estresse, como superestimulação ou uma diferença em sua rotina.


Enormes avanços físicos significam que não há esforço que seja suficiente para deter seu filho de 10 meses. A vontade do seu bebê de descobrir - e talvez sua capacidade de engatinhar , rolar ou mesmo andar sem ajuda - pode levar a uma exploração séria. Por isso, certifique-se de manter um olho atento em seu pequeno pesquisador.


Tem dificuldades em lidar com os saltos de desenvolvimento? Clique aqui e entenda como seu bebê se desenvolve mês a mês!


Outros marcos de desenvolvimento que você pode ver seu filho alcançar este mês incluem acenar tchau , brincar de bolo e mandar beijocas. Em conjunto com habilidades novas e independência crescente, aparecem atitudes totalmente novas: Eu já tenho independência, haha!


Não se assuste caso essa mudança resulte em diversos grandes colapsos, principalmente durante os tempos de transição - como quando chega do trabalho ou quando é hora de dormir. Crianças com essa idade também podem começar assim do nada a mostrar sinais de ansiedade de separação.


Isso porque, apenas alguns meses atrás, eles não se ligavam quando você saia da sala, agora eles podem ficar magoados e chorar se você se distanciar ou tentar deixá-los com alguém. Isso acontece. É uma parte totalmente normal de sua evolução.



O progresso do seu bebê de 10 meses


Com tanto terreno a percorrer, seu pacotinho está certamente mais interessado em explorar do que em comer (ou qualquer outra coisa) atualmente.


Fique calma se o seu comedor antes voraz do nada torcer o nariz na hora de comer sólidos ou começar a ingerir menos leite materno e fórmula. De acordo que seu crescimento (finalmente) começa a ficar mais lento, sua fome também diminui.


Claro que ele pode e certamente vai se tornar um cliente mais exigente e exigente quando se trata de alimentação, isso é apenas uma forma de afirmar sua independência na cadeira super alta.


Você sabia? Já temos mais de 2 milhões de seguidoras em nossa comunidade no instagram, e grande parte das mães tem dificuldades em lidar com os picos de crescimento e desenvolvimento do bebê, principalmente por não entender o porque eles acontecem, por esse motivos criamos o manual do bebê para que você saiba o que esperar em cada mês do bebê! Se prepare para cada etapa clicando aqui!


Tenha em mente que existem diversas táticas para tentar os comedores exigentes, então experimente todas, atenção ao mais importante, junte toda a paciência que você tenha e continue oferecendo comida saudável.



Seu bebê certamente vai ceder logo. No mundo da alimentação, também, estará iniciando o caminho de desmamar seu pequeno da mamadeira, se ele tomar uma. Os médicos acreditam que desmamar da mamadeira por volta de um aninho - ou o mais rápido possível após o primeiro aniversário (e por volta dos 18 meses, no limite, a não ser que o pediatra indique o contrário) - é o melhor para o seu bebê.


Isso não só porque é mais fácil desmamar seu filho de 12 meses quase flexível em comparação com uma criança determinado de 2 ou 3 anos, porém também porque o uso por muito tempo da mamadeira não é saudável para os dentes do seu filho (ir dormir com a mamadeira ou beliscar durante todo o dia deixa que os líquidos encham os dentes com açúcar, e o resultado você sabe cáries).


Além disso, os pequeninos que bebem mamadeira normalmente acabam bebendo mais líquidos do que deveriam, enchendo-se de vários líquidos e ingerindo quase nenhum sólido e nutrientes essenciais.


E, enfim, um bebê de 1 ano que está sempre carregando e bebendo de uma mamadeira tem apenas uma mão livre para brincar e conhecer coisas novas - e com a boca cheia demais para falar. Por isso, se o seu filho por enguanto não começou a beber usando o copo, é certamente a hora de apresentar para ele o copo.


A saúde do seu filho(a) de 10 meses


Esse mês não tem consulta, mas isso não quer dizer que você não teve que levar seu pequenino ao médico por conta de um pequeno ferimento ou outra doença.


Não se esqueça de proteger as crianças!


Nesse momento que o seu bebê está engatinhando, sumindo por aí ou talvez até mesmo andando pelo jardim, tenha certeza de que você protegeu sua casa, principalmente algumas das áreas mais arriscadas- como as quinas afiadas de mesas, cadeiras e peitoris de janela baixos, entre outros pontos que considerar problemáticos.


Lebre-se, caso queira conhecer como é o desenvolvimento do bebê de forma detalhada no primeiro aninho de vida, clique aqui!


Antibióticos 101


Os antibióticos devem tratar infecções ocasionadas por bactérias, porém saiba que a grande parte das doenças infantis é causada por vírus. E oferecer antibióticos sem necessidade ao seu filho pode ser problemático, pois eles eliminam as bactérias “boas” que vivem no organismo e podem causar resistência aos antibióticos e infecções por fungos.


O bebê e o sol


Os pequenos e delicados filhotes podem ser particularmente suscetíveis a queimaduras solares por conta da pele muito fina e delicada. Às vezes, uma queimadura de sol começa a aparecer por volta de duas a quatro horas após ele ter sido exposto à luz solar, e a dor atinge o auge 12 a 14 horas depois. Nos dias seguintes, a vermelhidão sumirá e a pele vai começar a descascar.



Doença de Lyme


Fique calma, a doença de Lyme não é comum em bebês, mas é provável. A transmissão é por meio de carrapatos de cavalos, geralmente nos meses de primavera e verão. Se você notar uma erupção cutânea vermelha em forma de olho de boi no local da mordida do carrapato ou em volta dele - freqüentemente, o sinal característico da doença de Lyme - chame seu médico imediatamente.


As doenças também podem vir da água


Piscinas, banheiras de hidromassagem, lagos e oceanos podem abrigar parasitas e bactérias que provacam doenças. Se acreditar que seu filho adoeceu de uma ida recente à piscina ou à praia, tente mantê-lo hidratado.


Para que você possa estar preparada para cada pico de crescimento e de desenvolvimento do bebê criamos o manual do bebê. Tudo que você precisa saber para se preparar para todas dificuldades do primeiro aninho do bebê você encontra aqui!

Outras dicas para bebês


Brinquedos confiáveis para uma direção mais segura


A última coisa de que você precisa como motorista é uma distração - um bebê frustrado e chorão que deixou cair seu brinquedo favorito pode começar a lançar algo em você. Teste isso, prenda brinquedos à cadeirinha do seu filho com elos de plástico ou cabos muito curtos, ou procure brinquedos específicos para uma cadeirinha de carro.


As pelúcias também são melhores - caso você tenha que parar de forma brusca, há menos chance de eles voarem no rosto do seu bebê e machucá-lo.


Apresente ao bebê o copo


Ainda não apresentou, experimente apresentar ao bebê um copo este mês. Você pode ir mudando de copo com canudinho, de peito para copo ou de mamadeira para xícara, a chave para o sucesso é prática, paciência e diversão.


Você pode transformar o copo em algo especial: deixe seu filho escolher o copo, isso dará a ele aquele senso de controle que a maioria das crianças anseiam. Apresente a ele algumas variedades a cada vez (talvez um com alças e o outro com um canudo) e permita que ele selecione seu predileto. Acredite que copos coloridos, que mudam de cor e que tem personagem, podem fazer sucesso!


Meu objetivo aqui é que você consiga saber o que esperar e que também saiba resolver todas as dúvidas que surgirem durante o primeiro ano do bebê. Conheça nossos livros clicando aqui!


Fale "não" quando o bebê morder


Seu filho agora tem alguns dentes, seu bebê de 10 meses começou a dar mordidas? Quando ganhar uma mordida forte, não reaja gritando de dor ou xingue, isso vai apenas encorajá-lo a tentar novamente para ver como você vai reagir novamente.



A melhor forma de agir é: uma declaração firme, clara e pouco dramática da frase ("sem morder") isso enquanto você retirar as presas afiadas de seu "braço". Após, mostre a ele algo que ele deva morder - um brinquedo de dentição, chupeta, toalha gelada - e fale de forma clara que não existe problema em enfiar as presas brancos neles.


Fale bem do bebê para o bebê Como toda mãe você deve fazer isso várias vezes por dia: dê ao seu bebê uma alegria, uma salva de palmas ou um "Você conseguiu!" Depois de conseguir alcançar com sucesso seu objetivo, você pode também bater almas. Às vezes pode parecer um pouco demais fazer uma festa de orgulho com essas pequenas realizações, mas não é.


Sei que ja falei do manual do bebê varias vezes nesse conteúdo, mas vale lembrar. Os E-books tem o objetivo de ajudar as mamães a entenderem como ocorre todo o Desenvolvimento e Crescimento do bebê, com uma linguagem simples. Clique aqui e acesse.


É o seu elogio que aumenta a auto-estima dele, o faz com que ele novamente e o ajuda a começar a acreditar em si mesmo. Por isso, oferece muitas chances para ele merecer suas palmas. Ofereça a ele brinquedos apropriados para a idade que o faça fazer coisas diferentes.


Caso ele esteja tentando agarrar e estender a mão, coloque os brinquedos macios a uma distância onde ele terá que se esforçar para pegar. Apenas observe e deixe-o tentar - não de ajuda a menos que ele comece a ficar muito irritado. Achar que ele realmente ganhou é muito mais valioso do que se você o ajudar.



As palavras específicas de admiração são bem mais significantes do que palavras gerais. Elogie-o por seus esforços ("Você está realmente trabalhando para pegar aquela bola!") E seu desempenho ("Você conseguiu encaixar o pino amarelo no buraco!").


Essas especificidades permitem que ele saiba que você está realmente prestando atenção - e que bebê não gosta de ser o centro das atenções? Conheça nosso curso, já temos mais de 6.700 alunas. Não iríamos tão longe assim se o conteúdo não fosse realmente bom. Clique aqui e conheça!


Seja clara em seus elogios, por exemplo: Você está de parabéns por se esforçar tanto para pegar o brinquedo, você conseguiu acertar a forma de triângulo no buraco certo ou fez algo incrível até mesmo pra você.


O bebê anda distraído?


Parece fácil mas é complicado para o bebê assimilar todos sons de fundo enquanto você termina sua tarefa - o cachorro latindo na porta ao lado, o colega de trabalho no telefone no cubículo ou até mesmo a sensação do tapete sob seus pés - seu bebê não ainda não tem essa habilidade de concentração.


Por este motivo que os bebês estão constantemente distraídos com o que tem em volta deles - os bebês estão tão ocupados atento a tudo que é difícil para eles se concentrarem. Eles também podem ficar super estimulados de forma rápida, isso pode causar irritabilidade e choro.


Que o bebê se concentre na tarefa que tem em mãos - como mamar ou comer - vá com ele até um local silencioso e com pouca iluminação.


Você pode ter algum animal de estimação?


Você está querendo um bichinho, isso pode trazer benefícios porque fazem bem para a saúde de todos! Médicos dizem que bebês que têm a presença de animais de estimação têm menos chances de desencadear alergias comuns devido à exposição muito cedo a certas bactérias. (Mas sabemos que, algumas crianças são totalmente alérgicas aos animais - verifique isso antes de chegar em casa com o animalzinho.)


E algumas busca por informações mostram que os proprietários de animais tendem a adoecer com menos frequência - outro fato é que, um estudo mostrou que crianças que viviam com cães eram em grande parte mais saudáveis ​​durante o primeiro ano de vida, resultando em menos problemas respiratórios e infecções de ouvido que aparecem com menas frequência do que bebês sem cachorros.


Outro diferencial para os animais de estimação?


Escovar, dar tapinhas ou acariciar algo peludo pode diminuir os níveis de estresse - e isso é tão vale tanto para os pais quanto para as crianças.


Leia livros para o bebê


Grande parte ou todos os bebês não têm paciência para sentar e ficar olhando os livros por agora, mas não se preocupe, tenho certeza que ele vai amar brincar com eles, enquanto isso vai aprender o que as páginas viram.


Por esse motivo, procure por livros de papelão ou de tecido resistentes que possam aguentar muito os balanços do bebê e deixe-o mastigar, jogar e balbuciar o quanto tiver vontade. Logo logo, seu filho vai ficar parado com você lendo por tempo suficiente para olhar uma ou duas imagens.


Livros bons para os bebês são aqueles que têm imagens de itens do dia a dia, de preferência em todas páginas e precisam chamar a atenção do bebê, mesmo que seja por um ou dois minutos.


Mas tome cuidado para não forçar, você deve querer que ele ame os livros, não é? Por isso não o deixe com raiva dos livros. Sua última chance de acessar o manual do bebê, clique aqui e acesse!

610 visualizações0 comentário

Posts recentes

Ver tudo